Casos de Sucesso

Our first chatbot in Portugal was implemented in the Facebook Messenger of Lisbon City Hall. Scroll down to know more about some of our solutions that have reached the market.


Câmara Municipal de Lisboa

Desafio: Proporcionar uma resposta rápida aos cidadãos e automatizar parte das interações mais repetidas. Redirecionar os utilizadores para os canais respetivos para atender cada solicitação específica.

Começámos a trabalhar com a Câmara de Lisboa na construção da sua base de conhecimento usando o seu histórico de interações e as FAQ’s presentes no seu website. Desde que o Chatbot foi para o ar, conseguimos ajudar a automatizar cerca de 70% das suas interações.

Quando o bot da Visor.ai não sabe como responder a uma questão remete-a para um assistente humano. O assistente pode responder usando a nossa plataforma web based segura. Ao responder ao cidadão, o assistente da Câmara pode usar a plataforma para ensinar essa mesma questão ao bot.

Quer implementar um Chatbot no Facebook Messenger para apoio ao cliente?

Contacte-nos

Moche

Desafio: Recompensar os usuários dos tarifários Moche com prémios em várias discotecas de Lisboa.

Description: Implementámos um Chatbot no Facebook Messenger da Moche. O usuário começaria por fornecer o seu número de telemóvel, e depois um webservice da Moche validava se esse usuário era ou não cliente da Moche. Caso fosse cliente Moche, então teria direito a determinadas recompensas. O nosso sistema tornou todas as interações automáticas, contabilizou o número exato de interações ocorridas, o número de recompensas dadas e vários outros dados dos usuários que a Moche antes não tinha.

Quer implementar um Chatbot para Marketing no Facebook Messenger?

Contacte-nos


Heineken

Objetivos

Aumentar o envolvimento do consumidor com a marca;

Vender mais Heineken nos supermercados;

Rentabilizar o maior festival de verão em Portugal, o NOS Alive, do qual a Heineken é um dos principais patrocinadores, ao oferecer 500 bilhetes para um festival que já estava esgotado;

Processo

A principal forma de os consumidores obterem os bilhetes que já tinham esgotado era acumular pontos para trocar pelos bilhetes. O consumidor podia acumular pontos de duas maneiras:

○ Comprar Heineken e submeter o talão ao chatbot;

○ Participar numa série de questionários acerca do festival.


De forma a tornar isto o mais automático possível, o Chatbot conseguia ler automaticamente o talão, usando Machine Learning para reconhecer a imagem, procurar a presença de Heineken na compra e atribuir ao consumidor o número de pontos correspondente.

Obter as recompensas

Depois de o usuário obter o número de pontos suficiente, poderia usar o Chatbot para saber se ainda existiam bilhetes. Caso houvesse, poderia escolher logo o bilhete e usar os pontos.


O Chatbot, depois de o bilhete ser remetido, pedia ao utilizador os seus dados, como a morada, o número de telemóvel e o número do cartão de identificação, para poder enviar o bilhete para casa.